Número total de visualizações de página

terça-feira, 30 de novembro de 2010

Detrás dos quintais

Detrás dos quintais



Amavam-se nos campos detrás

dos quintais,

Não perdiam tempo com coisas

triviais,

Bebiam um do outro com secura

na boca,

Saciando a sede e bebendo

mais,

Eram dois Seres apenas, pessoas

normais,

Que trocavam afectos detrás dos

quintais,

E trocavam juras com sonhos

iguais,

Promessas de Amor, grandes

Ideais,

Mas mais…, mais…, mais…,

Era a plena entrega,

Enlevos totais, partilha da Alma,

Anseios carnais,

Trocando Luxúrias detrás dos

quintais.

E como não ligavam a coisas

triviais,

Um mais um, não eram dois,

eram mais…,

MUITO MAIS.



José Dimas

Out 2010

1 comentário:

  1. Ah o amor!! Como é lindo!!
    Dizem que o amor mais forte que tudo, mais obstinado que tudo, mais duradouro que tudo, é somente o amor de mãe. E acho que é mesmo.
    Adorei Poeta!
    Beijos
    Nya

    ResponderEliminar