Número total de visualizações de página

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Insolência

Insolência

Dá-me só um mimo teu,
um carinho do teu Coração,
para que eu possa sentir
a essência do teu Ser,
novamente,

Preciso do beijo que ficou
preso nos lábios,
e da lágrima que secou
no rosto,
preciso da palavra que morreu
na garganta, tantas vezes…

Preciso da tua escuta,
quando o Outono se instala
em mim,
preciso de um afago na Alma,
desses que só tu sabes dar.

Preciso de ti, do teu sentir,
quando as noites se tornam
imensas e escuras,
com a ausência do teu brilho,

Necessito do teu colo,
quando lá fora troveja,
e o meu interior está
cinzento e confuso.

Dá-me só um afago teu,
um carinho do teu Coração,
e  perdoa a minha
insolência,
mas dá-me também,
um bocadinho do teu Amor.

José Dimas

Sem comentários:

Enviar um comentário